30 anos sem Charles Chaplin

Candid Camera

O jovem Charlie

No dia 25 de Dezembro de 1977 morria em Vevey, Suíça, um dos mais célebres cineastas de que se tem notícia. Charles Spencer Chaplin deixaria para o mundo um legado de cerca de 80 filmes, entre longas e curta-metragens.

Impossível não lembrar da figura do pequeno little tramp, o vagabundo com sorriso doce, jeito tímido e enorme capacidade de encarar a vida com alegria, mesmo sendo ela tão difícil. “A vida é uma tragédia quando vista de perto, mas uma comédia quando vista de longe” – dizia Charles. Personagem notável que se faz presente na maioria de suas produções e ainda hoje causador de risadas e lampejos de emoção, Chaplin cativou o mundo e produziu filmes inesquecíveis como: O garoto, onde a emoção contida meche com o coração do público; O circo, uma das melhores comédias de Charlie (realizado em um dos momentos mais difíceis de sua vida particular) e o emblemático Tempos Modernos, ainda hoje tema de teses acadêmicas por todo o mundo. Isso para citar alguns, que merecem, de certo, mais tempo para discorrer acerca de sua importância para a cinematografia mundial.

Durante as gravações de "Em Busca do Ouro", em 1925.

Durante as gravações de “Em Busca do Ouro”, em 1925.

Trinta anos se passaram desde sua morte e, no entanto, a imagem de Chaplin continua tão viva nas lembranças de cada expectador que pôde ter algum contato com sua obra, que este acaba tornando-se de certa maneira imortal. Afinal se a imortalidade é o desejo de muitos de nós, certamente o pequeno grande homem ganhou sua imortalidade ao longo de sua vitoriosa carreira em que produziu verdadeiras obras primas para a posteridade.

Aos 88 anos de idade, noite de Natal, em sua casa na Suíça, o notável gênio suspirou pela última vez enquanto dormia.

Anúncios

Sobre Hallyson Alves

Sou historiador e psicólogo. Desde 2007 pesquiso sobre Charles Chaplin, ícone do cinema mundial, sendo este a principal inspiração para a minha dissertação de mestrado. Foi com o intuito de compartilhar um pouco desta pesquisa, que criei o Blog Chaplin, o primeiro blog com conteúdo exclusivo sobre o artista, em língua portuguesa. Além disso, venho construindo o blog Psicologia e Sentido, espaço reservado para conteúdos relacionados à busca humana pelo sentido da vida.

1 comentário

Gostaríamos de saber a sua opinião sobre esse post. Utilize o formulário de comentários abaixo:

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s